Faltam
--- Dias
Para o Século I

Mascotinhos

ENTRADA DE MASCOTINHOS NO CAMPEONATO MINEIRO:

Para que uma criança possa ser um mascotinho nos jogos do Cruzeiro no Campeonato Mineiro, o Sócio do Futebol deverá realizar o resgate da vaga através do programa Cruzeiros (pontos). Não haverá seleção de mascotinhos nos portões do estádio.

Confira as regras para a entrada de mascotinhos no Campeonato Mineiro:

- O Sócio do Futebol deverá fazer o resgate da vaga de mascotinho para uma criança através do programa de pontos Cruzeiros;

- A criança deve ter entre quatro e onze anos de idade;

- O cruzeirense deverá estar no local previamente informado;

- O menor deve estar acompanhado do responsável;

- A criança deverá estar com o uniforme completo do Cruzeiro: camisa de jogo (não pode ser polo nem retrô), short branco ou azul, meia branca ou azul e tênis;

- Quando for levada ao campo, a criança deve obedecer a coordenação dos mascotinhos oficiais do Cruzeiro.


Foto: Juliana Flister/Cruzeiro

ENTRADA DE MASCOTINHOS NA COPA DO BRASIL, COPA DA PRIMEIRA LIGA E CAMPEONATO BRASILEIRO:

Para participar, os Sócios do Futebol deverão fazer o resgate de Cruzeiros (pontos) no site do programa. Realizando a troca da pontuação, o Sócio pode indicar uma criança que tenha de 4 a 12 anos para participar da festa e entrar no gramado do Gigante da Pampulha.

Após a troca de pontos, o Sócio receberá um e-mail de confirmação e o Clube entrará em contato para acertar os detalhes.

Nos dias de jogos, a criança deve seguir as seguintes instruções:

- Chegar 1h30 antes do horário da partida no local indicado;

- Estar com o uniforme completo do Cruzeiro (Meninos com camisa, short branco ou azul, meia branca ou azul e tênis. Meninas com camisa, short ou saia branca ou azul, meia branca ou azul e tênis);

- Estar no local combinado;

- Não levar celular ou máquinas fotográficas para o campo e caneta para autógrafos;

- Depois de ter informado o nome da criança, não poderá haver alteração;

- A criança deve estar com os documentos e acompanhada do pai ou do Sócio responsável;

- Altura máxima de 1.50m;

- A criança deve, obrigatoriamente, acessar o Mineirão com ingresso ou com cartão de Sócio. O resgate não garante o acesso ao jogo de forma gratuita;

- Os mascotinhos serão devolvidos aos responsáveis logo após a entrada em campo, nos seus respectivos portões;

- Caso alguma das regras não sejam cumpridas, o Sócio perde o benefício da criança entrar em campo e os Cruzeiros (pontos) trocados.

IMPORTANTE: A criança deve estar no mesmo setor que os pais e/ou responsáveis.

(Este material está liberado para reprodução. Os órgãos de imprensa devem citar o Site Oficial do Cruzeiro como a fonte da informação.)