menu

03/02/2018 11:30

Meiões simbolizarão a luta do Cruzeiro contra a Febre Amarela

Meiões simbolizarão a luta do Cruzeiro contra a Febre Amarela

Da Sede Administrativa

Lucas Leite

O cruzeirense que for ao Gigante da Pampulha neste domingo para conferir de perto a partida entre o Time do Povo e o América-MG, pelo Campeonato Mineiro, terá seu olhar voltado não somente para o bom futebol apresentado pelo Clube Celeste. Em mais uma medida com intuito de chamar a atenção para a luta contra a Febre Amarela, os atletas cinco estrelas jogarão o clássico estadual com meiões na cor amarela.

A medida, pioneira entre os clubes do país, faz parte das ações programadas para o duelo de domingo, que contam com as parcerias da Umbro, Estádio Mineirão, Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte, Secretaria Estadual de Saúde de Minas Gerais e a SC Johnson.

"Queremos que toda a população se conscientize sobre a Febre Amarela, um problema grave que todos estamos enfrentando e que devemos nos unir cada vez mais para encarar a doença. Iremos aproveitar que vamos ter grande presença da nossa torcida para expor a questão", destacou Marco Antônio Lage, Vice-Presidente Executivo do Cruzeiro.

Eduardo Dal Pogetto, Gerente de Sports Marketing da Umbro, enalteceu a grandeza do Cruzeiro e falou sobre a parceria de sucesso entre a empresa e o Clube Tetracampeão Brasileiro. “Mais do que o fornecimento de material esportivo, a parceria entre a Umbro e o Cruzeiro também tem como viés ações que contemplam questões de importância para toda a sociedade. Acreditamos que grandes marcas precisam se unir e somar forças na campanha contra a febre amarela", afirmou.

Outras medidas:

Além das meiões amarelos, o domingo de clássico também terá como destaques a aplicação de faixas de divulgação e de placas de publicidade no gramado do Mineirão para destacar a campanha contra a Febre Amarela. Mais de 14 mil repelentes OFF SPRAY, da SC Johnson, serão distribuídos aos cruzeirenses logo após o fim do jogo.

(Este material está liberado para reprodução. Os órgãos de imprensa devem citar o Site Oficial do Cruzeiro como a fonte da informação.)