menu

25/02/2018 12:29

Cruzeiro vence o sexto jogo consecutivo e abre oito pontos na liderança do Mineiro

Cruzeiro vence o sexto jogo consecutivo e abre oito pontos na liderança do Mineiro


Fotos: Washington Alves/Cruzeiro

Da redação

Cláudio Antonio

Mesmo com uma equipe bem diferente da que vinha jogando ultimamente, o Cruzeiro manteve o ritmo forte e conquistou a sexta vitória consecutiva, ao derrotar o Boa Esporte por 3 a 0, na tarde deste sábado, no Mineirão, pela 8ª rodada do Campeonato Mineiro.

Rafael Sobis, duas vezes, e Mancuello marcaram os gols da Raposa, que disparou ainda mais na liderança da competição estadual, abrindo oito pontos de vantagem sobre o segundo colocado.

O Maior de Minas agora deixará o Campeonato Mineiro um pouco de lado, já que fará a sua estreia na Copa Libertadores da América na próxima terça-feira, às 21h30, contra o Racing, em Avellaneda, na Argentina.

O jogo

O Cruzeiro começou arrasador e abriu o marcador logo aos 2 minutos, através de Rafael Sobis, que recebeu um cruzamento na medida de Mancuello e, dentro da pequena área, finalizou sem chance alguma para o goleiro Fabrício.

Com o domínio completo das ações, a Raposa seguiu buscando o ataque e quase ampliou, em chutes de Mancuello e Thiago Neves, o primeiro deles acima do gol e o outro defendido por Fabrício.

Aos 22, o goleiro do Boa defendeu finalização de Mancuello e, no rebote, Thiago Neves acertou a trave. Acuado, o time de Varginha só conseguiu chutar a gol aos 34, com Jhon Cley, mas a bola saiu bem acima do gol, sem perigo algum.

Já o Maior de Minas seguia dando trabalho a Fabrício, que fez grande defesa em um chute cruzado de Sobis.



Com grande atuação, o argentino Mancuello ampliou aos 39, após lançamento primoroso de Raniel, chutando na saída de Fabrício. Cruzeiro 2 x 0. Segundo gol de Mancuello em apenas quatro partidas disputadas com a camisa do Maior de Minas.

Aos 45, quase saiu o gol do zagueiro Dedé, que subiu mais que a marcação e cabeceou forte, mas Fabrício fez outra importante defesa, evitando o gol do Mito.

Segundo tempo

Com o placar bem favorável, o Cruzeiro valorizou mais a posse da bola no segundo tempo, trocando passes e mantendo o comando das ações. Já o Boa tentou sair mais para o jogo, mas não conseguiu superar a marcação cinco estrelas.

Soberano em campo, o time cinco estrelas teve tudo para aumentar a vantagem no placar, em um chute forte, cheio de efeito, de Lucas Romero, após passe de Thiago Neves. O goleiro Fabrício fez outra ótima defesa, salvando o Boa mais uma vez.

De Arrascaeta, que entrou no lugar de Thiago Neves, também teve chance para ampliar. O jogador da seleção uruguaia recebeu lançamento de Henrique e chutou para o gol. Fabrício fez outra excelente defesa e colocou para escanteio.

Mas, aos 42 minutos, finalmente saiu o terceiro do Cruzeiro, novamente através de Rafael Sobis, em um chute de fora da área, no canto esquerdo do gol, sem chance alguma para Fabrício. Cruzeiro 3 x 0 e que venha a Libertadores!


CRUZEIRO 3 X 0 BOA
Motivo: 8ª rodada do Campeonato Mineiro
Data: 24/02/2018 (sábado)
Local: Mneirão, em Belo Horizonte-MG
Árbitro: Marco Aurélio A. Fazekas Ferreira-MG (CBF)
Público: 15.946 pagantes
Renda: R$ 188.929,00
Gols: Rafael Sobis, aos 2 min., e Mancuello, aos 39 min. do 1º tempo; Rafael Sobis, aos 42 min; do 2º tempo
Cruzeiro: Rafael; Lucas Romero, Dedé, Digão e Marcelo Hermes; Lucas Silva, Bruno Silva (Henrique), Mancuello e Thiago Neves (De Arrascaeta); Rafael Sobis e Raniel (Rafael Marques)
Técnico: Mano Menezes
Boa: Fabrício; Elivélton Foguinho, Renato Justi, Caique e Sapé; Helder, Amaral e Jhon Cley (Marcinho); Alyson, Christiano (Erick) e Gabriel Pereira (João Guilherme)
Técnico: Sidney Moraes
Cartões amarelos: Renato Justi (Boa); Lucas Silva (Cruzeiro)



(Este material está liberado para reprodução. Os órgãos de imprensa devem citar o Site Oficial do Cruzeiro como a fonte da informação.)