menu

03/09/2018 14:55

Novamente prejudicado pela arbitragem, Cruzeiro empata com o Internacional

- Cláudio Antonio

Foto: Vinnicius Silva / Cruzeiro

Com um futebol consistente, o Cruzeiro dominou o Internacional, buscou a vitória durante toda a partida, mas foi prejudicado mais uma vez pela arbitragem e empatou em 0 x 0, na noite deste domingo, no Mineirão, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O atual campeão mineiro e da Copa do Brasil teve ótimas oportunidades para vencer a partida, mas esbarrou em defesas do goleiro Marcelo Lomba e no erro do árbitro goiano Wilton Pereira Sampaio, que anulou um gol do atacante Raniel de maneira equivocada no segundo tempo.

O jogo

O Cruzeiro começou muito bem a partida, dominando completamente as ações e buscando a vitória o tempo todo, enquanto o Internacional, bastante recuado, se limitava a defender e não conseguia articular os contra-ataques.

Mesmo diante de tanta marcação, a equipe cinco estrelas criou três chances de gol no primeiro tempo, com Egídio, De Arrascaeta e Bruno Silva, todas defendidas por Marcelo Lomba.

Na primeira delas, Egídio tabelou com Thiago Neves, recebeu dentro da área e quase marcou, não fosse importante defesa do goleiro adversário, que, na sequência da jogada, salvou o Internacional novamente, em um chute de De Arrascaeta.

A oportunidade de Bruno Silva foi depois de passe de Edilson. O camisa 20 tentou de fora da área e parou em outra defesa de Marcelo Lomba.

Já o Internacional só deu trabalho ofensivo na parte final da primeira etapa, em uma jogada individual de William Pottker, que soltou uma bomba e Fábio resvalou na bola, que ainda acertou o travessão. Em seguida, Patrick chutou forte, com perigo, à esquerda do gol.

Erro da arbitragem


O início da etapa final foi como o da primeira, com pressão total da equipe cinco estrelas. Logo nos primeiros três minutos, a Raposa teve duas situações para abrir o marcador, em um chute de longe de Thiago Neves, para fora, e especialmente com Raniel, após cruzamento preciso de Egídio, que Marcelo Lomba defendeu bem.
Aos 5 minutos, De Arrascaeta cobrou falta, Bruno Silva ganhou de cabeça do goleiro Marcelo Lomba e ajeitou para Raniel marcar, mas o árbitro Wilton Pereira Sanpaio, erroneamente, anulou o lance.
Bem superior em campo, a equipe celeste seguiu mandando no jogo, mas o gol insistia em não sair, como no cabeceio de Bruno Silva e em outro chute de Thiago Neves, ambos para fora, e na finalização de Rafinha, defendida por Marcelo Lomba.
Acuado na defesa, o Internacional quase surpreendeu a Raposa em um chute muito forte de Jonatan Álvez, dentro da área, que Fábio fez grande defesa.
Aos 39, o jogador da seleção uruguaia De Arrascaeta fez ótima jogada individual e chutou colocado, mas Marcelo Lomba fez outra defesa muito importante e salvou o Internacional da derrota.
Ao final da partida, os atletas do time gaúcho comemoraram bastante o resultado, valorizando muito o empate obtido diante do Cruzeiro, no Mineirão.

CRUZEIRO 0 X 0 INTERNACIONAL
Motivo: 22ª rodada Campeonato Brasileiro
Data: 02/09/2018 (domingo)
Local: Mineirão, em Belo Horizonte-MG
Público: 12.331 pagantes / 16.247 presentes
Renda: R$ 217.050,00
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio-GO (Fifa)
Cruzeiro: Fábio; Edilson, Léo, Dedé e Egídio; Lucas Silva, Bruno Silva (Rafinha), Ariel Cabral (Mancuello), De Arrascaeta e Thiago Neves; Raniel (Hernán Barcos)
Técnico: Mano Menezes
Internacional: Marcelo Lomba; Zeca (Fabiano), Emerson Santos, Victor Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado, Edenilson, Patrick e Nico López (D´Alessandro); William Pottker e Jonatan Álvez (Leandro Damião)
Técnico: Odair Hellmann
Cartões amarelos: Jonatan Álvez e Patrick (Internacional); Thiago Neves, Léo e Lucas Silva (Cruzeiro)



Notícias Relacionadas