menu

28/11/2018 14:26

Nota de Repúdio - UOL Esporte

O Cruzeiro Esporte Clube vem a público contestar com veemência notícias publicadas nesta semana pelo portal UOL Esporte, que dão conta de supostas negociações envolvendo o atleta Bruno Henrique, do Santos, e o técnico Mano Menezes. O Cruzeiro informa que, além de repudiar as publicações mentirosas, também irá ingressar na Justiça quando detectar que essas supostas informações possam lesar a imagem e o nome da Instituição ou de seus profissionais.

 

De fato, o Cruzeiro iniciou uma conversa com o Santos FC com o objetivo de permutar atletas. Ocorre que em momento algum foi feita oferta de R$ 20 milhões para aquisição dos direitos econômicos de Bruno Henrique. Neste período que o Clube atravessa complicada situação financeira, essa notícia mentirosa publicada pelo portal UOL Esporte só tumultua o ambiente interno do Cruzeiro.

 

O técnico Mano Menezes também contesta e recrimina a exposição mentirosa de um suposto valor de seu salário no Clube. Assim como faz questão de ressaltar o compromisso que tem com o Cruzeiro. A assessoria do treinador divulgou a seguinte nota: “Até a publicação desta matéria, a assessoria do técnico Mano Menezes destaca que NÃO FOI PROCURADA pela reportagem do UOL para a confirmação desta informação. O Técnico lamenta a postura do portal, com quem sempre estabeleceu uma boa relação profissional. Ele não confirma nenhuma das informações colocadas na matéria e reitera que não negociou com nenhum clube, pois como já disse inúmeras vezes publicamente, não está disponível no mercado. Apesar de afastado das atividades do gramado por questões de saúde, ele segue trabalhando diretamente com a diretoria do Cruzeiro no planejamento da temporada 2019.”

 

O Clube chama a atenção para um dos jornalistas que assina as matérias, chamado Thiago Fernandes, que já possui um vasto histórico de notícias sem fundamentos envolvendo o Cruzeiro e seus profissionais. Cabe ressaltar que o referido jornalista, desde o mês de julho, trabalha como setorista do Atlético-MG e, ainda assim, continua a assinar matérias sobre o Cruzeiro no portal UOL com o intuito de tumultuar o ambiente do Clube. Apesar das incontáveis reclamações por parte da diretoria, o UOL ainda não tomou qualquer tipo de atitude e segue corroborando com a prática que beira o lamentável.


A diretoria celeste reitera que, neste período de transição de temporadas, serão comuns as diversas especulações e até mesmo publicações de caráter duvidoso, e se dirige diretamente ao torcedor cruzeirense indicando que todas as informações sobre negociações serão divulgadas nos canais oficiais do Clube. A diretoria também aproveita para alertar seu torcedor e sugere que todos fiquem atentos ao teor das “notícias”, especialmente quando as mesmas partirem de figuras que já são famosas e reconhecidas pelas intenções que são distantes do que prega um jornalismo sério e de credibilidade.