menu

10/02/2019 20:42

Mano Menezes elogia a segurança defensiva da Raposa e confirma a volta de Robinho contra o América-MG

- Cláudio Antonio

Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro

O técnico Mano Menezes enalteceu o desempenho do time cinco estrelas na vitória de 3 x 0 sobre o Tupynambás, neste domingo, no Mineirão. De acordo com o treinador, o Cruzeiro demonstrou um futebol que poderia ter resultado em um placar maior, mas o foco principal dos elogios do comandante estrelado foi em relação à segurança defensiva do time.

“Fizemos um bom jogo, um jogo tranquilo, um jogo seguro. Segunda partida sem tomar gols e a gente trabalhou um pouco em cima disso. Essa segurança nos dá sempre a possibilidade de fazer um, dois gols e construir as vitórias. Sempre foi a característica nossa. Então, queremos ser mais ofensivos, produzir bem, mas não podemos abrir mão do que é bom e que dá a segurança para a equipe lá atrás”, comentou ele, que destacou também o crescimento do ritmo de jogo da equipe.

“Acho que até poderíamos ter feito um placar mais dilatado, tivemos inúmeras chances para isso. O time já começa a entrar em um ritmo melhor e isso que é o mais importante nesse momento. Em cada jogo, acrescentar mais um pouco de competitividade, de ritmo de jogo, porque quando o adversário exigir mais, a gente também está preparado para dar mais”.

Mano Menezes comentou ainda sobre o meia Robinho, que foi preservado nas duas últimas partidas da Raposa e está nos planos dele para o jogo contra o América-MG, no próximo domingo, às 17h, no Independência.

“Para o final de semana que vem teremos o retorno do Robinho. Fizemos um planejamento para dar um salto em termos de temporada. Ele é um jogador importantíssimo para a gente e teremos o acréscimo deste jogador, que nas duas últimas rodadas eu deixei fora, já que tinha feito quatro (partidas) seguidas com 90 minutos”, disse o técnico.

“Então, exatamente pela importância que ele tem, a gente tomou esse cuidado e já no clássico contra o América-MG teremos o retorno do Robinho”, finalizou.

Mano Menezes - Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro

Notícias Relacionadas