menu

03/12/2019 13:36

Campeões, técnicos das categorias Sub-12 e Sub-13 avaliam temporada 2019

- Gustavo Aleixo

Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro

Saldo positivo. É desta maneira que os comandantes das equipes Sub-12 e Sub13 avaliaram a temporada 2019 de suas respectivas equipes. A certeza do bom trabalho realizado no ano foi confirmada após as conquistas da Copa do Rei Sub-12 e Sub-13, além da Copa IMEF Sub-13.

Dono de dois destes títulos, o técnico da equipe Sub-12, Carlos Alberto, ressaltou que, além dos troféus, a temporada serviu para confirmar o sucesso de uma estratégia traçada pela diretoria e comissão técnica. De acordo com o comandante, foi acordado que o Sub-12 deveria preconizar jogos contra equipes de uma categoria acima, o que, inclusive aconteceu na conquista da Copa IMEF Sub-13.

“Esse final de ano do Sub-12 foi muito positivo. Foi proposto para a gente jogar contra uma categoria acima e chegamos em todas as finais do ano. Na semana passada, fizemos dois jogos finais, contra o nosso maior rival, dentro da casa deles, e vencemos as duas partidas com muita propriedade, propondo o jogo, com um modelo de jogo bem direcionado e com um time organizado, tanto ofensivamente, quanto defensivamente. Na final contra o Futgol, com uma categoria acima, o nosso time também procurou propor o jogo o tempo todo e foi campeão”, comentou Carlos Alberto.

“Conseguimos fechar o ano com chave de ouro com a conquista desses dois títulos, cumprindo nosso objetivo de fortalecer esta categoria. Vale lembrar que, no primeiro semestre, nós também fomos campeões da IMEF na categoria Sub-12 e, no segundo, com a proposta de jogar contra o 13, nós ganhamos também. O que mais coroou todo esse nosso trabalho foi essa final contra o nosso rival, nas condições que foram os jogos com duas vitórias, uma de 5 a 3 e outra por 3 a 1”, completou.

Assim como o Sub-12, o Cruzeiro Sub-13 também procurou enfrentar equipes de uma categoria acima ao longo da temporada e assim foi no título da Copa do Rei. Segundo o técnico Guilherme Gontijo, houve uma evolução notória de seus comandados durante o ano, o que lhe garante a segurança de que estes jogadores subirão ao time Sub-14 com boas perspectivas.

“Estamos encerrando o ano com uma conquista de uma competição importante do nosso calendário. Ganhamos de uma equipe qualificada, que é o time Sub-14 do Futgol e dentro do centro de treinamentos do nosso maior rival. Foi um ano de competições importantes e difíceis, já que jogamos sempre contra times mais velhos. A equipe mostrou uma boa evolução tática e técnica”, avaliou Guilherme.

“Chegamos a participar de uma competição nacional, jogando contra equipes de camisa. Vencemos o São Paulo, campeão paulista, por 3 a 0, empatamos com o Grêmio e ganhamos do Juventude, fazendo excelentes jogos. Então, acho que foi muito positivo esse ano de 2019 para a categoria Sub-13 do Cruzeiro. Acredito que ano que vem vamos ter uma equipe Sub-14 competitiva, com uma boa projeção nas mãos do Leandro Guerreiro, que, com certeza, vai ter uma sequência muito boa. O Clube, futuramente, vai estar bem servido”, concluiu.

Notícias Relacionadas