menu

14/08/2020 10:20

“Garçom” do Cruzeiro nos últimos jogos, Raúl Cáceres celebra início de trajetória com a camisa azul e branca

- Lucas Leite

Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro

No Cruzeiro desde o fim do mês de junho, Raúl Cáceres chegou ao Clube Celeste com a missão de assumir a lateral direita do time e contribuir efetivamente com os objetivos da equipe nesta temporada. Com atuações seguras em sua posição, o paraguaio também tem se destacado pela Raposa em outro quesito: as assistências.

Titular nos dois jogos do Cruzeiro pelo Campeonato Brasileiro da Série B, Cáceres foi “garçom” nos gols de Cacá, no duelo contra o Botafogo, e de Léo, no confronto diante do Guarani-SP.

“Acho que estou conseguindo ajudar os companheiros. Com o decorrer os dias vou melhorar ainda mais minha adaptação ao clube. Estou muito contente, penso que posso dar mais ainda e vou seguir trabalhando para manter um bom nível e contribuir com o time”, declarou.

Ele enalteceu o poder de reação do Cruzeiro nos compromissos contra o Botafogo e Guarani, mas chamou a atenção para a importância de a equipe não sair atrás no placar ou sofrer o empate quando estiver vencendo o jogo.

“(Poder de reação) é algo bom do time, mas temos coisas a corrigir. Não podemos tomar gol. Temos que saber jogar com a vantagem, melhorar a posse de bola. Vamos melhorando jogo a jogo, pois todos os jogadores estão assimilando bem as ideias do treinador”, citou.

Com triunfos nas duas primeiras partidas pelo Campeonato Brasileiro da Série B, o Cruzeiro não está mais com a pontuação negativa na tabela da competição. Segundo Cáceres, a Raposa já vai forte para buscar uma melhor posição no torneio no duelo do próximo domingo, contra o Figueirense, em Florianópolis-SC.

“Agora vamos começar a somar pontos e brigar na parte de cima da tabela. Esperamos que isso já possa acontecer no domingo. Vamos seguir nessa mesma linha, buscando a vitória, somar os três pontos e disputar um lugar no topo”, ressaltou.

Confira a entrevista completa com Raúl Cáceres:


Notícias Relacionadas