menu

03/02/2014 16:51

Cruzeiro busca 120ª vitória sobre time que ele não perde há mais de 15 anos

Cruzeiro busca 120ª vitória sobre time que ele não perde há mais de 15 anos


Fotos: Washington Alves/Textual

Da Toca II

Cláudio Antonio

Atual campeão brasileiro, o Cruzeiro enfrenta o Villa Nova, na noite de quarta-feira, às 19h30, no Mineirão, pela terceira rodada do Campeonato Mineiro, em busca do 120º triunfo sobre o adversário em um dos confrontos mais tradicionais do futebol estadual.

Foi justamente contra o Villa Nova, na ocasião em um combinado com outra equipe da cidade de Nova Lima, o Palmeiras, que o Cruzeiro, então Palestra Itália, disputou a sua primeira partida na história, que terminou com vitória do time da capital por 2 x 0, dia 3 de abril de 1921, no estádio do Prado, em Belo Horizonte, com dois gols de Nani.

Além dos três pontos, que pode lhe dar a liderança isolada da competição, a Raposa tenta, na partida, estender o tabu de não perder para o Villa Nova há mais de 15 anos. A última derrota celeste no confronto foi em 28 de fevereiro de 1999, por 2 x 0, pela Copa dos Campeões Mineiros. De lá para cá, os rivais se enfrentaram 21 vezes, com 14 vitórias do Cruzeiro e sete empates.



Ao todo, sem contar com o jogo inaugural no Prado, já que foi contra um combinado e não uma equipe, Cruzeiro e Villa Nova se enfrentaram 236 vezes, com 119 vitórias da Raposa, 72 empates e 45 vitórias. Nestas partidas, o Cruzeiro marcou 446 gols e sofreu 286.

Pelo Campeonato Mineiro foram 168 confrontos. O time de BH venceu 93 deles, empatou 51 e perdeu 24. Marcou 317 gols e sofreu 174.

As duas equipes disputaram 155 jogos em Belo Horizonte, desde 1921, nos estádios do Prado, Barro Preto, Alameda, Lourdes, Independência e Mineirão, com 88 vitórias da Raposa, 46 empates e 21 derrotas. O Cruzeiro marcou 332 gols e levou 183. No Mineirão, foram 67 partidas, desde 1965. A Raposa venceu 46, empatou 18 e perdeu apenas três. Nestes confrontos, o Cruzeiro marcou 143 gols e sofreu 44.



(Este material está liberado para reprodução. Os órgãos de imprensa devem citar o Site Oficial do Cruzeiro como a fonte da informação).