menu

16/02/2020 07:45

Sete vezes dono da América: Sada Cruzeiro vence UPCN e conquista o título em Contagem

- Da Assessoria do Sada Cruzeiro Vôlei

Foto: Agência i7/Sada Cruzeiro

Com o ginásio de Contagem absolutamente lotado, a torcida cruzeirense fez uma festa incrível nas arquibancadas e pode soltar com vontade o grito de heptacampeão! Na noite deste sábado, 15/02, na decisão do Sul-Americano de Clubes, o Sada Cruzeiro encarou novamente o argentino UPCN e venceu o adversário por 3 sets a 1, com 25/18, 14/25, 25/19 e 25/23, para conquistar o sétimo título da competição continental e o quinto consecutivo. O time foi campeão em 2012, 2014, 2016, 2017, 2018, 2019, e agora em 2020.

E com a taça garantida em casa o time estrelado assegurou sua presença na elite do voleibol no planeta, com a vaga no Campeonato Mundial de Clubes deste ano.

Diante dos argentinos o esquadrão azul teve uma partida acirrada, sofreu com o forte saque do ponteiro Lopez, porém, empurrado pela torcida, o Sada Cruzeiro cresceu e se agigantou na reta final. “O time jogou bem, aguentou a pressão, tivemos muitos momentos difíceis, mas nos superamos e vencemos a batalha. É mais um título importantíssimo para nós, estou muito feliz, e também é mais um ano de Mundial de Clubes para a nossa equipe”, destacou o técnico Marcelo Mendez.

O Hepta Sul-Americano é o terceiro título na temporada para o Sada Cruzeiro e o 37º troféu, desde 2010, com 44 finais em um total de 50 campeonatos.

Vale ressaltar que a equipe celeste vive, nesta temporada, a maior reformulação da última década, com sete novos nomes no plantel, com quatro deles no time principal: o líbero Lukinha, os ponteiros Gord Perrin e Facundo Conte e o central Otávio.

Facundo Conte foi o maior pontuador da final pelo time cruzeirense, com 20 pontos. Ele e Otávio foram eleitos para a seleção do campeonato, ao lado do oposto Luan e do levantador Fernando Cachopa, que foi o MVP.

“Estou muito feliz por essa conquista. Jogamos contra um time difícil, que toca em toda bola, trabalha muito bem na defesa. Mas a gente se preparou para essa partida assim, longa, brigada, e precisamos saber encarar cada adversário. Hoje soubemos jogar o que precisava para sair com a vitória”, comentou Cachopa.

“Todos que chegam assimilam e assumem essa mentalidade vencedora do Sada Cruzeiro. Quando começamos este projeto, não tínhamos a dimensão de tudo que este time conquistaria nestes últimos anos. Queremos sempre vencer e fazer o nosso melhor. É uma satisfação muito grande saber que o Sada Cruzeiro representa tão bem o Brasil, com um projeto vitorioso dentro e fora da quadra, pois tudo que este elenco faz também ganha ressonância entre os mais de 2.000 alunos que temos nas escolinhas de vôlei e projetos esportivos”, destacou o fundador da equipe, Vittorio Medioli.

Sada Cruzeiro – Fernando Cachopa, Luan, Facundo Conte, Gord Perrin, Otávio, Isac e o líbero Lukinha. Entraram Rodriguinho Leme, Evandro, Filipe e Hugo. Técnico - Marcelo Mendez

UPCN - Gauna, Toro, Brajkovic, Uchikov, Lopez, Ramos e o líbero Perren. Entraram Mateo, Morel, Nicolas, Federico e Dmytro. Técnico – Fabian Armoa

Notícias Relacionadas